domingo, 25 de novembro de 2012

A cereja do bolo

Icasa chega na final e já está garantido na B 2013: sucesso será coroado com
o troféu da Série C? (Foto: Globoesporte.com)

Intensa briga na Série C coloca Icasa e Oeste frente a frente na decisão pelo título; Chapecoense e Paysandu comemoram acesso e nem pensam em reclamar de eliminação nas semifinais

Para algumas equipes, o acesso é o principal objetivo nas campanhas nacionais. Em busca de reconhecimento, pequenos duelam com grandes que jogam pela sua redenção. Nas quatro divisões do Brasil, tivemos exemplos dessa dualidade. Em 2012, talvez a Série B tenha vencido em questão de equilíbrio, o que não quer dizer que a C e a D faltaram na aula de dramaticidade.

A Série C, ainda em andamento e às vésperas de sua decisão, traz Icasa e Oeste lutando pelo caneco, com Paysandu e Chapecoense já promovidos. Extremamente equilibrado, o campeonato não premiou os primeiros de cada chave, que no caso foram Fortaleza, Luverdense, Duque de Caxias e Macaé. 

Na fase final, os quatro "líderes" ficaram pelo caminho nas quartas de final, mostrando que em 180 minutos, a boa pontuação nos grupos de nada vale, persistindo a força de vontade e a determinação. O Oeste, por exemplo, tem mostrado muita valentia fora de casa e venceu seus dois jogos como visitante no mata mata: 3-1 diante do Fortaleza e 1-0 contra o Chapecoense, apenas empatando nos Amaros. Desta vez, o adversário promete dar menos espaços e mais marcação. 

O Icasa também gosta de correr perigo. Os cearenses de Juazeiro do Norte eliminaram o Duque de Caxias e o Paysandu pela vantagem mínima, com destaque para o 2-1 em cima do Papão nas semifinais, que só caiu em função do gol fora de casa, no 3-2 na Arena Verde. Não que isso importasse muito para o clube paraense, que de acordo com seu capitão Vanderson, "se importava apenas em retornar à Série B depois de seis anos, não com mais um troféu". 

Nessa próxima quarta, às 21h30 no Romeirão, a finalíssima terá início. Os primeiros 90 minutos para ver quem é que poderá colocar mais um troféu na sua sala nobre. Quem vence? O Oeste de Luís Carlos Martins, Ligger, Samuel e Wanderson, ou o Icasa de José Carlos Serrão, André Turatto, Elanardo e Canga? Em tempos que os clubes se importam mais com vagas do que taças, esse confronto entre paulistas e cearenses parece ser exceção e a cereja do bolo de um ano bem sucedido.

Para 2013, CRB, Guarani, Ipatinga e Barueri estarão incumbidos de remar contra a correnteza na Série C, enquanto Salgueiro, Guarany de Sobral, Santo André e Tupi alcançam a última divisão brasileira.

Nenhum comentário: